Os Puritanos e a conversão

Não há doutrina sobre a qual ê mais importante sermos completamente ortodoxos do que a doutrina da conversão. Se o arrependimento estiver ausente, então teremos antinomianismo ou fideismo. Se a fé estiver ausente, teremos apenas salvação pelas obras. Se o entendimento da fé ou do arrependimento estiver defeituoso, haverá pouca probabilidade que a conversão seja genuína. O Pastor Albert N. Martin, da Trinity Baptist Church, Montville, New Jersey, diz no seu prefácio:

“A verdadeira conversão compreende a área na qual há grande confusão e terrível engano em nossos dias, sim,mesmo entre os evangélicos que são esclarecidos na questão da base de aceitação do pecador por Deus. Ê precisamente na área da apre-sentação da doutrina bíblica da conversão que os pregadores puritanos têm tanto para nos ensinar. ”
Estes três tratados puritanos ajudarão o leitor a com¬preender melhor a doutrina da conversão. Cada obra examina a conversão a partir de um ângulo diferente. Estes tratados, nunca antes disponíveis em forma impressa, são:
Pecado: O Mal sem Par – Samuel Bolton
A Conversão de um Pecador – Nathaniel Vincent
A Coisa Indispensável – Thomas Watson
Cada obra tem sua própria área particular de peso em apresentar uma sã teologia da conversão, tanto como compreensões penetrantes sobre o método da conversão.
Digitalizado e doado por: Mazinho Rodrigues
Revisão: Levita Digital

Escolha um dos links abaixo para fazer o download:
<<<<<EASY-SHARE>>>>>

<<<<<MEGAUPLOAD>>>>>

<<<<<MEDIAFIRE>>>>>

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *